AutoShow

VW interrompe produção em Taubaté até o dia 30 de agosto

A Volkswagen interrompeu a produção do Gol e do Voyage em Taubaté, no interior de São Paulo, por falta de semicondutores

Gol e Voyage têm fabricação paralisada por falta de semicondutores. Por Felipe Salomão

Sem os microchips centrais de entretenimento não funcionam plenamente

A Volkswagen interrompeu a produção do Gol e do Voyage em Taubaté, no interior de São Paulo, por falta de semicondutores. A linha de montagem ficará paralisada até o dia 30 de agosto. Outras montadoras também têm sofrido com a falta de componentes eletrônicos que paralisam fábricas pelo Brasil e, também, pelo mundo. A informação vem do sindicato da região.

Vai comprar o GOL AUTOMÁTICO ? VEJA esse vídeo!

A empresa alemã também explicou que a falta destas peças se agravou porque a Malásia, que é uma importante pólo fornecedor de chips para a companhia, fechou as fronteiras por conta da COVID-19. Por isso, tiveram que interromper toda a cadeia de produção e o fornecimento dos semicondutores. Além disso, a Volkswagen dará férias coletivas para os 2 mil funcionários. 

Avaliação: VW Voyage MSI 1.6 – Automático – já andamos na versão 1.6 AT6. Veja o vídeo!

Segundo a consultoria norte-americana Auto Forecast Solutions – AFS, essa crise afetou oito montadoras e 14 fábricas no país. Desta forma, 220 mil carros não serão produzidos por aqui. Sem os microchips, os sistemas de segurança, das centrais de entretenimento, entre outros equipamentos não funcionam plenamente.

Procura uma Volkswagen Gol ou Voyage? Veja no AutoShow mais de 40.000 classificados de veículos e participe dos feirões presenciais realizados todo domingo das 7h às 13h no Expo Center Norte e Shopping ABC