AutoShow

Novo Fiat Pulse tem preços entre R$ 79 e R$ 115 mil: conheça

A Fiat dá passos largos rumo a uma nova fase de modelos com maior valor agregado e mais tecnologia embarcada. Depois do sucesso da Toro, a Fiat entra no segmento de crossovers com o Pulse

Modelo vem equipado com motor 1.0 turbo de 130 cv. Por Marcos Camargo Jr.

Versão topo de linha Impetus Turbo 200 pode ser comprada por R$ 115.990

A Fiat dá passos largos rumo a uma nova fase de modelos com maior valor agregado e mais tecnologia embarcada. Depois do sucesso da Toro, a Fiat entra no segmento de crossovers com o Pulse, revelado ainda em março deste ano no programa Big Brother Brasil, da TV Globo, com nome escolhido pelo público.

Na coluna C o Pulse é ampliado com um desenho mais esportivo, mas que não se trata de um cupê

Sim, a novidade é derivada do Argo que empresta a plataforma que foi devidamentre ampliada, com novo motor 1.0 turbo nas versões mais caras e uma nova identidade visual para a marca. A novidade entra hoje em pré-venda com preços entre R$ 79,9 mil (versão Drive 1.3 com câmbio manual) e R$ 115,9 mil, válido para o modelo mais caro denominado “Impetus turbo 200” com câmbio automático do tipo CVT, outra novidade para a linha.

SUV também tem motor 1.3 Firefly de 109cv

Desenvolvimento local
O novo Pulse foi desenvolvido no Centro de Design da Fiat em Betim mas mirando outros mercados onde o SUV será vendido. Entra em cena um veículo de perfil arrojado ainda que tenha vários elementos do hatch mas que carrega uma personalidade própria. A dianteira de linhas arredondadas tem identidade visual afilada e unida por um filete cromado, parachoques destacados e retilíneos. Na lateral, se notam as mesmas portas do Argo assim como os vincos chamados pelo design de “chiaroscuro” (claro e escuro) mas que estão em um modelo de dimensões ampliadas com reforço de apliques plásticos. Na coluna C o Pulse é ampliado com um desenho mais esportivo mas que não se trata de um cupê. São 4,10m de comprimento, 1,58m de altura, 2,53m de entre-eixos e 1,78m de largura.

SUV compacto tem 2,53m de entre-eixos

Cinco versões e dois motores
O Fiat Pulse chega em cinco versões ao mercado nacional: Drive manual e automático CVT com motor 1.3 Firefly de 109cv e também Drive, Audace e Impetus com o novo motor “Turbo 200” 1.0 de 130cv sempre com transmissão automática. Além dos controles de tração e estabilidade o Pulse arrisca uma proposta off road leve ao adotar o “TC+” que distribui a força para a roda com maior contato com o solo e também o ABS Off Road que equilibra a frenagem para manter a trajetória do carro.

Motor turbo será combinado com o câmbio CVT que simula sete velocidades

Interior recebeu muita atenção
No primeiro contato com o Pulse se nota a preocupação da Fiat com a conectividade. Todo o painel, bancos e revestimentos do crossover são novos mas o destaque está com as duas telas, presente no cluster, e na nova multimídia de 10 polegadas, que equipa as versões mais caras. Com o novo tabelier, envolvente e com comandos voltados para o motorista a impressão é que o Pulse está mais para a Toro do que para o Argo. Forração das portas, volante, console integrado e os 18 porta objetos são novos.

Fiat Pulse traz novidades já conhecidas no Jeep Compass e na Fiat Toro como a tela digital no cluster de 10 polegadas

Motor Firefly 1.3 ou turbo 1.0
Além do conhecido motor Firefly 1.3 litro disponível com câmbio manual ou automático CVT o Fiat Pulse estreia a opção do motor “Turbo 200”, primeiro três cilindros turbo da Stellantis que entrega 130cv e 20kgfm de torque. O novo motor tem bloco de alunínio, injeção direta de combustível e sistemas como vetorização de torque e outras tecnologias.
O motor turbo será combinado com o câmbio CVT que simula sete velocidades. A nova transmissão também pode ser combinada com o motor 1.3 Firefly de 109cv, propulsor que também conta com opção de câmbio manual. Na versão topo de linha há um modo Sport que trabalha com a vetorização de torque e melhora a performance do carro.

Multimídia conta com sistema Uconnect de 10 polegadas integrado com o aplicativo próprio “Connect Me”

Seguindo a receita da Jeep o Pulse traz os “easter eggs” que são detalhes de design presentes, por exemplo, no mapa da Itália e suas trilhas off road, desenhos do carro sugerindo trajetos de aventura entre outros detalhes.

Versões de entrada contam com multimídia de 8 polegadas mais simples, mas com conexão sem fio para Android Auto e Apple CarPlay

Nova multimídia e itens de segurança e comodidade
O Fiat Pulse traz novidades já conhecidas no Jeep Compass e na Fiat Toro como a tela digital no cluster de 10 polegadas, além da multimídia com sistema Uconnect de 10 polegadas integrado com o aplicativo próprio “Connect Me”. A partir do smartphone é possível localizar, abrir e fechar, determinar perímetro e limitar a velocidade entre outras funcionalidades. Nas versoes de entrada o Fiat Pulse tem multimídia de 8 polegadas mais simples mas com conexão sem fio para Android Auto e Apple CarPlay.

Suspensão foi ajustada para conferir conforto e silêncio

Uma novidade exclusiva é o sitema CART que permite fazer compras associadas ao cartão de crédito sem sair do carro. Há um convênio com o McDonalds que permite visualizar o cardápio e fazer o pedido. Além disso é possível pagar licenciamento, IPVA e até as multas por meio da ferramenta integrada com o sistema do Connect Car que é item de série.

Na versão topo de linha há um modo Sport que trabalha com a vetorização de torque e melhora a performance do carro

Preços e versões
O Fiat Pulse vem de série com multimídia de 8 polegadas, farois em LED, direção elétrica, ar condiconado, cluster TFT e 4 airbags além do sistema TC+, controle de tração e estabilidade. O Fiat Pulse tem preços entre R$ 79,9 mil (versão Drive 1.3 Firefly com câmbio manual) e R$ 115,9 mil (Impetus Turbo 200 com câmbio CVT).

Versão Audace Turbo 200 sai por R$ 107.990

Durante a anteprima de lançamento, o AutoShow só teve contato com as versões Impetus e Audace, ambas com motor 1.0 turbo de 130cv que estreia na linha com promessa de desempenho e economia de combustível. Ao primeiro contato é notável o trabalho de suspensão ajustado para o conforto e silêncio, mesmo em um pequeno trecho de terra onde pudemos acelerar e testar as habilidades off-road mais leves do Pulse. A aceleração do motor 1.0 turbo com o câmbio CVT é bem ágil, algo inesperado, e o carro entrega resposta interessante dentro da sua limitação de 130cv. Na versão mais cara há sistema de assistência à condução como manutenção da faixa e frenagem automática que poucos concorrentes trazem.

Modelo também terá opção com câmbio manual

Dentro do segmento de crossovers compactos há outros 18 concorrentes. A Fiat mira especialmente no Volkswagen Nivus, o recém renovado Hyundai Creta, T-Cross 1.0, Caoa Chery Tiggo 3X e Chevrolet Tracker com motor 1.0 turbinados bem como o Nissan Kicks 1.6, Renault Duster 1.6 bem como Peugeot 2008 e Citroën C4 Cactus com motor 1.6 aspirado. Dentro de casa, há o Jeep Renegade com motor 1.8 e.TorQ como concorrente no segmento. Agora a Fiat entra de cabeça no segmento de crossovers indicando ainda que haverá um novo produto para o segmento de modelos novos e de maior valor agregado.

Procura um Fiat Pulse? Veja no AutoShow mais de 40.000 classificados de veículos e participe dos feirões presenciais realizados todo domingo das 7h às 13h no Expo Center Norte e Shopping ABC