AutoShow

VW comemora 50 anos de laboratório de segurança no país

A Volkswagen celebra 50 anos do laboratório de segurança no Brasil. Além de ser o primeiro local a fazer testes de colisão no país, o centro de segurança contribuiu para o desenvolvimento de airbags e freios ABS

Centro de segurança foi o primeiro a fazer testes de colisão no Brasil. Por Felipe Salomão

Volkswagen testou o1600 TL e a perua Variant

A Volkswagen celebra 50 anos do laboratório de segurança no Brasil. Além de ser o primeiro local a fazer testes de colisão no país, o centro de segurança contribuiu para o desenvolvimento de airbags e freios ABS. Todo esse investimento em segurança tem dado bons resultados para a fabricante alemã, já que o novo Taos recentemente tirou nota máxima no Latin NCAP.

Marca testa todos os modelos no laboratório de segurança

Inaugurado em 1971 no bairro do Ipiranga, na cidade de São Paulo, o laboratório está integrado à área de pesquisa e desenvolvimento do produto da empresa. Desta forma, tem um papel fundamental na criação do T-Cross, Virtus, Polo, Saveiro, Gol e Voyage. Hoje em dia, o centro de segurança está localizado dentro do complexo industrial de São Bernardo do Campo, na grande São Paulo, quando foi transferido para lá nos anos 80.

Volkswagen Fusca 1500 foi um dos primeiros carros testados no laboratório

O centro de segurança, que é uma referência global da Volkswagen, desde os anos 70 já conseguiu fazer avaliações de crash tests, o que contribuiu para aperfeiçoar os freios, pneus, airbags, suspensão, impacto dos dummies, que são bonecos que simulam os passageiros e motorista, entre outros componentes.

Laboratório está localizado dentro do complexo industrial de São Bernardo do Campo (SP)

Os primeiros carros a fazerem os testes de colisão frontal e traseira foram o Volkswagen 1600 TL, Fusca 1500 e a perua Variant. Além destes modelos, a marca testou o Karmann Ghia TC, o Gol, Parati, Fox, Voyage, Variant II, Brasília, SP1 e SP2.

Marca também realiza testes com bonecos que simulam os passageiros e motorista

A Volkswagen ainda informou que realiza avaliações computadorizadas, o que contribui para aperfeiçoar o processo e o desenvolvimento de equipamentos de segurança. Com isso, é possível ter uma redução nos custos e no tempo. O laboratório de segurança também conta com o Sled Test, que consegue avaliar com alta precisão todos os efeitos de um acidente de trânsito. Ainda realiza testes de colisão dianteiro, traseiro e lateral em diversas velocidades. De acordo com a empresa, é possível avaliar isoladamente cada equipamento de segurança do veículo.

No centro de segurança são realizados diversos testes

O laboratório de segurança ainda conta com câmaras climáticas que submetem os carros a temperaturas entre -40ºC e 100ºC, sendo que um dos principais equipamentos avaliados nesses testes são os airbags.

Taos recebeu recentemente a nota máxima do Latin NCAP

Claro, o laboratório de segurança tem rendido bons frutos, além do novo Taos, que recebeu recentemente a nota máxima do Latin NCAP, outros modelos como o up!, T-Cross, Polo e Virtus também conquistaram as 5 estrelas da avaliação.

Procura um carro da Volkswagen? Veja no AutoShow mais de 40.000 classificados de veículos e participe dos feirões presenciais realizados todo domingo das 7h às 13h no Expo Center Norte e Shopping ABC