AutoShow

Sem concessionária, Seres inicia venda de SUV elétrico por R$ 240 mil

Primeiras unidades terão desconto de R$ 20 mil, há opção de compra do veículo blindado mas estratégia é bem diferente das demais marcas

imagem de divulgação do SUV Seres 3 (Seres/Divulgação)

A Seres inicia sua jornada no mercado brasileiro como mais uma marca chinesa a apostar em produtos eletrificados por aqui. Apresentou em SP nesta semana o Seres 3, SUV compacto que será vendido pela internet. Os planos são ambiciosos embora a marca em si seja pouco (ou nada) conhecida. 

Seres 3 2023 (Seres/Divulgação)

O Seres 3 é o primeiro produto da marca. Tem motor elétrico dianteiro com 163cv e 30kgfm de torque com 53Kw de baterias, suficiente para 300km por recarga segundo o Inmetro. Segundo a importadora, o Seres vai de 0 a 100 km/h em apenas 8,9 segundos e atinge a velocidade máxima de 160 km/h.

foto de apresentação no evento em SP (Seres/Divulgação)

Com carregador residencial do tipo wallbox com 7 kW a recarga é feita em 7,6 horas, ou 38 minutos ate 80% de carga em um carregador com 50 kW de potência. 

interior do Seres 3 (Seres/Divulgação)

De visual pouco arrojado, o Seres 3 tem uma ampla grade dianteira integrada aos faróis, linhas arredondadas e sóbrias, mas vem bem equipado. Tem teto panorâmico, bancos dianteiros com aquecimento, controle de partida em rampa e declive, alerta de saída de faixa, três modos de condução e outros itens de série em um pacote único. O painel é digital e a multimídia tem 10,2 polegadas mas tem apenas Android Auto.

interior revela bom acabamento (Seres/Divulgação)

Opcionais? Na verdade o Seres 3 tem duas versões no país. Seres 3 a R$ 220.000 (para as primeiras unidades e depois o preço normal será de R$ 240.000) e o Seres 3 Blindado: R$ 270.000 (preço normal R$ 320.000) com serviço garantido pela Armor. 

Outros modelos 

Seres 5 já foi anunciado por R$ 414,9 mil

Embora só tenha mostrado o Seres 3, a empresa já confirmou o SUV médio de luxo Seres 5 BEV. Ele tem dois motores elétricos que somam 585 cv e 95,8 kgfm e custará R$ 414,9 mil.

Huawei M5 na China (Seres/Divulgação)

Este modelo é vendido na China como Huawei Aito M5. O Seres 3 não traz esse pedigree mas pode ajudar a marca em um impulso graças à parceria de tecnologia com a gigante chinesa Huawei. 

Seres M7 (Seres/Divulgação)

Haverá ainda o Seres M7 EVR, um SUV de 6 lugares, também e o Seres E-5, ambos híbridos com motor 1.5 de 110cv (semelhante ao novo conjunto híbrido do futuro Toyota Yaris Cross) e um motor elétrico de 176cv. 

Modelo de vendas sem concessionária

além do Seres 3, marca irá lançar outros 3 modelos não precisou uma data (Seres/Divulgação)

A Seres não vai atuar de forma tradicional nas vendas de seus modelos elétricos, quando eles chegarem. A empresa projeta vender 1.000 veículos por ano, o que não é muito. 

testes do veículo mostram autonomia de 300km (Seres/Divulgação)

A marca vem importada pelo grupo Bel Energy e Holding M2, tem sede em Alphaville (Barueri/SP) e não irá abrir concessionárias. O modelo será vendido pela internet e o cliente pode receber o carro em casa ou em dois centros técnicos, um na sede da empresa e também na Mooca, bairro de São Paulo. Oficinas credenciadas como a rede da Porto Seguro, além do grupo Tecar (DF), Scala (SP) e Top Car (SC) irão representar a Seres no país. 

Seres 3, primeiro veículo da marca (Seres/Divulgação)

Os veículos da marca foram apresentados apenas de forma estática diferente de seus concorrentes como BYD e GWM com ampla estratégia de marketing e divulgação. A Seres irá estrear um novo modelo mas não tem planos tão audaciosos. Veremos como o consumidor irá receber seus produtos no mercado.