AutoShow

Renault passa a vender todos os modelos pela web

Após fechar a compra a retirada é feita na concessionária. Por Marcos Camargo jr

A Renault é a primeira marca brasileira a oferecer todos os veículos de seu portfólio pela internet. O consumidor pode configurar o veículo, aprovar o crédito e escolher onde retirá-lo. Outra novidade é a integração dos veículos em estoque nas concessionárias, tornando o processo de compra mais ágil com o veículo oferecido o mais próximo possível da residência do consumidor. 

As montadoras resistem ao processo por vários motivos: querem incluir o concessionário (que tem custos altos para manter o showroom) no processo de venda, não podem “atravessar” a venda porque são fabricantes seguindo as regras que regem o varejo e defendem a chamada “experiência de compra”. No entanto, sabem que os compradores decidem pelo produto após pesquisar e se informar via internet.

Como funciona?

A Renault testou a ação de vendas on-line com o subcompacto Kwid em 2018 e desde o ano passado os modelos Sandero, Logan e Stepway também estavam disponíveis nessa plataforma. Agora a marca soma à iniciativa o Duster, Captur e Oroch. 

“Sabemos que os clientes estão cada vez mais conectados e fazem diversas atividades e compras on-line. O nosso e-commerce é mais uma forma prática, simples e segura de adquirir um Renault”, afirma Ricardo Gondo, presidente da Renault do Brasil.

Não há outra marca que ofereça todo o portfólio via internet em um processo integrado. A Fiat vende alguns dos seus compactos pelo site e também integra seus concessionários na venda e as demais oferecem apenas um configurador e cadastro enviado ao revendedor que entra em contato com o cliente.

A Renault oferece o portfólio da linha 2020 na plataforma: https://loja.renault.com.br