Imagem Jumbotron

Renault lança Duster 2021 com mais conteúdo: veja

SUV compacto mantém preços de 2019 e foca no conteúdo interno para ganhar mais espaço. Por Marcos Camargo

O Renault Duster chegou ao país em 2011 fazendo sucesso imediato em um mercado que se abria aos SUVs compactos. Espaçoso, simplificado e mas barato conquistou espaço depois perdido em virtude de lançamentos como o Jeep Renegade, Nissan Kicks e Hyundai Creta. Agora uma nova resposta é dada pela Renault. O AutoShow teve contato com o Renault Duster 2021 no lamacento nacional. Confira:

Estilo renovado

O design ficou mais robusto inspirado em modelos off-road embora o Duster tenha agora só motor 1.6 e tração 4x2. Ele ganha uma nova identidade com faróis unidos à grade e pára-choques proeminentes com luzes auxiliares. Na lateral, pará-lamas alargados e novos apliques enquanto a traseira trouxe vidro mais inclinado. A traseira traz novas lanternas inspiradas em outros produtos como o Jeep Renegade, Land Rover Discovery e até do antigo Ford Galaxie da primeira geração. Na dianteira o pára-brisa ficou menos inclinado mudando a coluna A. Toda a iluminação traz assinatura de LED com efeito 3D.

Por dentro o Duster traz um painel com identidade totalmente nova mantendo o volante usado em outros produtos da marca Renault. As linhas são retas e os controles são voltados para o motorista. Os bancos são novos e redesenhados para maior conforto mas já eram largos e confortáveis nos modelos antigos.

A Renault sabe que ele é o maior do segmento em espaço interno e porta-malas de 475 litros e isso é positivo no Duster.

Motor conhecido

O motor é o mesmo SCe 1.6 flex de até 120cv que ganha sistema Start Stop, controle de estabilidade e tração e assistente de partida em rampas em todas as versões. A direção agora é elétrica substituindo o antigo sistema eletro-hidráulico com ajuste de altura e profundidade do volante. A Renault optou por deixar para um segundo momento a estreia do motor 1.3 turbo desenvolvido em parceria com a Mercedes-Benz. 

Outra novidade é a multimídia com novo sistema EasyLink de tela capacitiva, conexão Apple CarPlay e Android Auto além de bluetooth. Há opção de sistema de câmeras Multiview e ar condicionado digital. 

Versões e preços

A Renault oferece o Duster em pré-venda onde afirma ter mais de 5.000 interessados. Os compradores podem escolher entre um patinete elétrico, três primeiras revisões gratuitas ou um kit de acessórios.

O Renault Duster será oferecido em quatro versões com o motor 1.6 SCe

Duster Zen 2020: R$ 71.790

Barras de teto pretas, direção elétrica, ar-condicionado manual, faróis com assinatura de LED, vidro elétrico nas quatro portas, start/stop, banco do motorista com regulagem de altura, banco traseiro rebatível bipartido, tomada 12V, rodas de aço 16”, rádio, quatro alto-falantes e chave canivete.

Duster Zen CVT: R$ 77.790

acrescenta o já conhecido câmbio CVT e ponteira cromada do escapamento.

São opcionais o novo sistema Multimídia EasyLink, faróis de neblina, rodas de liga leve 16” e painel de instrumentos com visor LCD por R$ 3.000 no chamado pacote “Techno”. 

Duster Intense: R$ 83.490 

Acrescenta a grade e barras de teto cromadas, maçanetas pintadas na cor da carroceria, faróis de neblina e apliques no pára-choque, retrovisor elétrico cromado, rodas de liga leve aro 16, vidros elétricos com função um-toque, volante de couro, multimídia EasyLink, sensor de estacionamento e câmera traseira, ar-condicionado automático digital, regulador e limitador de velocidade. Os bancos de couro são opcionais por R$ 1.700.

Duster Iconic: R$ 87.490

Acrescenta o sistema de câmeras Multiview (360 graus), chave cartão presencial, rodas de alumínio aro 17 diamantadas, alerta de ponto cego, sensor de luminosidade e apoio de braço. O pacote Outsider é opcional por R$ 2.300

No Brasil 385 mil unidades já foram produzidas e 280 mil vendidas no país. “É um dos modelos mais bem sucedidos da aliança Renault Nissan Mitsubishi com 3,2 milhões de veículos produzidos em dez anos” disse Goyret ao ressaltar que o segmento de SUVs compactos cresceu 6x mais que o mercado automotivo desde 2010. 

A Renault não detalhou a estratégia de vendas do Duster mas o presidente da Renault Ricardo Gondo adiantou que a marca “espera vender mais do que vendia na geração anterior”. Atualmente o Duster é o nono colocado nas vendas. O Ranking dos SUVs mais vendidos de 2019 fechou o ano com estes números: 

1º Jeep Compass: 60.284

2º Hyundai Creta: 48.976

3º Honda HR-V: 47.959

4º Nissan Kicks: 46.812

5º Jeep Renegade: 46.344

6º Ford Ecosport: 34.497

7º Renault Captur: 26.504

8º Chevrolet Tracker: 26.100

9º Renault Duster: 23.579

10º Honda WR-V: 14.797

Se você procura um destes SUVs veja as ofertas e usados no AutoShow e visite os feirões que acontecem todo domingo das 6h às 13h no Anhembi e Shopping ABC.

Compartilhar:

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Mais lidos

Imagem Media

Carro novo ou usado? Qual escolher?

Imagem Media

Comissão do Senado aprova fim dos carros a gasolina no Brasil

Imagem Media

Prós e contras Jeep Renegade Limited 2020

Compartilhar:

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Carros que você talvez gostaria:

Imagem Jumbotron

Garanta já sua participação no maior feirão de Compra e Venda de carros no Brasil – AutoShow –

O Feirão AutoShow possui mais de 10 mil ofertas e milhares de compradores em busca de fechar um bom negócio. Compre ou venda já seu carro no Feirão.