AutoShow

Renault Clio: a história completa do francês mais vendido no mundo; motores, versões e ficha técnica

A Renault celebra a marca de 16 milhões de unidades do Clio ao longo de cinco gerações

Modelo receberá um facelift em 2024 na Europa. Por Marcos Camargo Jr.

Clio lançado em 1990 sucedeu o Renault 5 na Europa

A Renault celebra a marca de 16 milhões de unidades do Clio ao longo de cinco gerações. Pestes a receber um facelift e estrear a linha 2024 na Europa, ele irá inspirar as linhas do novo SUV compacto que será produzido no Brasil em breve. No velho continente ele terá novo motor 1.6 a gasolina e uma inédita variante híbrida plug-in.

Modelo foi oferecido no Brasil a partir de 1993

O Renault Clio é o automóvel francês de maior sucesso no mundo. Lançado em 1990 como sucessor do Renault 5, o Clio (a pronúncia correta é Cliô) desembarcou por três anos depois marcando o retorno da marca após 25 anos do fim do Gordini (parceria da Renault com a Willys Overland entre 1960 e 1968).

Facelift da quinta geração estreia em abril na Europa

Mas a história de sucesso do Clio remonta a um dos períodos mais interessantes para a história da Renault que foram os anos 1990. O Clio era um produto inovador quando chegou ao mercado com inúmeras versões e preços com a missão de continuar fazendo sucesso como o Renault 4 e Renault 5.

A partir de 1996 o Clio seria importado para o Brasil via Argentina

Sua primeira geração tinha nada menos que oito opções de motores incluindo versões diesel com câmbio automático na Europa. Suas linhas limpas e dimensões reduzidas fizeram dele um sucesso imediato.

Interior do Clio de primeira geração: minimalista e moderno

Aqui ele estreou como importado do Velho Continente em 1993 e a partir de 1996 seria importado da Argentina. A Renault assumiu a operação dos importadores em 1998 quando estreava uma nova geração. Foi justamente o segundo modelo que estreou com linhas renovadas, mais espaço interno, e itens inéditos no Brasil como air bags. Aqui ele passou a ser produzido a partir de 1999.

Nova geração chegou em 1998 e fez sucesso por aqui

Seu perfil esportivo lhe rendeu inúmeras versões ao longo dos anos. Desde o Clio Williams passando pelo Clio Trophy dos anos 2000 com 134cv ou até 182cv desenvolvido pela Renault Sports, ele fez sucesso nas pistas europeias e também por aqui com a Copa Clio.

Renault Sports Trophy foi uma das versões esportivas de sucesso

Enquanto uma nova geração surgia em 2005 na Europa com direito a versões perua e novos modelos esportivos, o Clio surgiu com um caminho diferente em países como o México e até mesmo Argentina com facelifts diversos mantendo a segunda geração viva enquanto os europeus tinham um carro bem mais refinado nas mãos.

Segunda geração foi longe em outros países sobrevivendo até 2016

Sua imagem foi enfraquecida após o lançamento do Logan e Sandero na América do Sul. A dupla fez bem para a marca Renault que estava muito mais forte financeiramente porém nos distanciou dos bons carros europeus da marca.

Novo Clio europeu de 2005 foi versátil e teve até perua

Hoje na quinta geração o Clio está “vivo” no Brasil por meio do elétrico Zoe que usa sua plataforma e diversos componentes do acabamento e segurança. E essa história segue viva ao menos no Velho Continente onde o Clio receberá mais uma reestilização. Ao menos no visual o nosso futuro SUV compacto estará próximo do francês mais vendido de todos os tempos.

Procura um Renault Clio? Veja no AutoShow mais de 40.000 classificados de veículos e participe dos feirões presenciais realizados todo domingo das 7h às 13h no Expo Center Norte e Shopping ABC