AutoShow

Perto de fazer 20 anos no país, Nissan Sentra será relançado neste mês: veja trajetória do sedã

O Nissan Sentra, que será lançado neste mês, irá completar 20 anos de Brasil, uma vez que a primeira vez que foi vendido por aqui aconteceu em 2004

Tradicional sedã médio chegou ao mercado brasileiro em 2004. Por Felipe Salomão

Primeiro Nissan Sentra desembarcou no Brasil em 2004

O Nissan Sentra, que será lançado neste mês, irá completar 20 anos de Brasil, uma vez que a primeira vez que foi vendido por aqui aconteceu em 2004. O novo modelo será importado do México deve ser vendido nas versões Sense, Advance e Exclusive com motor de 2.0 litros aspirado de 143 cv. Veja a história do sedã médio.

Importadores independentes trouxeram o sedã na década de 1990

O primeiro Nissan Sentra desembarcou no Brasil em 2004, quando a quinta geração foi trazida do México pelo código B15. Mas antes desse modelo, importadores independentes trouxeram na década de 1990 alguns exemplares do sedã. A quinta geração do Nissan Sentra tinha 4,51 metros de comprimento e motor 1.8 litro de 126 cv. O modelo era vendido na versão GXE.

Gerações passadas tinham chave inteligente presencial I-Key, acendimento automático dos faróis por sensor crepuscular e o sistema de áudio com entrada USB

Já em 2007, a Nissan trouxe a sexta geração do Sentra, que tinha linhas mais angulares e entre-eixos de 2,69 metros. Em 2009, chegou ao Brasil a linha 2010 com uma grade com três filetes contínuos, além de ser equipado com chave inteligente presencial I-Key, acendimento automático dos faróis por sensor crepuscular e o sistema de áudio com entrada USB e tela colorida de 4,3 polegadas. 

Por fim, em 2016 o Nissan Sentra chegou a linha 2017, que tem um desenho mais esportivo

A sétima geração do Nissan Sentra chegou em setembro de 2013 com linhas mais elegantes inspiradas no sedã de grande porte Altima. O modelo passou a ter 4,63 metros de comprimento e 2,70 metros de entre-eixos. Como novidade trouxe os câmbios manual de seis velocidades e o automático do tipo CVT chamado de Xtronic.

Modelo 2023 tem uma grade no formato de “V” igual à do Kicks

Por fim, em 2016 o Nissan Sentra chegou a linha 2017, que tem um desenho mais esportivo. O sedã ainda conta com quadro de instrumentos TFT, Safety Shield, entre outros. 

Porta-malas deve ter 405 litros de capacidade

Nissan Sentra 2023
O Nissan Sentra 2023, que será lançado neste mês, será importado do México e deve ser vendido nas versões Sense, Advance e Exclusive. Essa nova geração mede 4,64m de comprimento, 2,71 m de entre eixos, 1,81m de largura e 1,45m de altura. Já o porta-malas deve ter 405 litros de capacidade.

Nissan Sentra mede 4,64m de comprimento e 2,71 m de entre eixos

Por dentro, o Nissan Sentra 2023 pode ter uma ampla central multimídia do tipo flutuante com conexão com Android Auto e Apple CarPlay. Já o painel de instrumentos não será totalmente digital e o volante traz o novo padrão da marca.

Sedã pode ter uma ampla central multimídia do tipo flutuante com conexão com Android Auto e Apple CarPlay

Sob o capô, o Nissan Sentra 2023 deve ser equipado com motor de 2.0 litros aspirado, que entrega 143 cv com 20,04 kgfm de torque. A transmissão é automática será do tipo CVT. Ao chegar o Sentra irá enfrentar uma gama menor de sedas médios do que em sua estreia no mercado nacional: o líder Toyota Corolla, Chevrolet Cruze e Caoa Chery Arrizo 6.

Procura um Nissan Sentra? Veja no AutoShow mais de 40.000 classificados de veículos e participe dos feirões presenciais realizados todo domingo das 7h às 13h no Expo Center Norte e Shopping ABC