AutoShow

Nova Ford Ranger traz visual de F-150: veja preços e versões da Limited e XLT

Uma das principais Pickups do segmento médio, a Ford Ranger, ganha uma nova geração

Pick-up incorpora itens inéditos e visual inspirado na F-150. Por Marcos Camargo Jr.

Mudanças vão desde o desenho, estrutura e motorização – Foto: Ford/Divulgação

Uma das principais Pickups do segmento médio, a Ford Ranger, ganha uma nova geração. Com pré venda iniciada hoje começando pelas versões XLT e Limited ela ganha novo visual, equipamentos inéditos e quer ser o destaque diante das competidoras. O AUTOSHOW acompanha nã Argentina o lançamento da nova Ford Ranger 2024.

Versões XL e XLT terão cores e outros detalhes divulgados em breve – Foto: Ford/Divulgação

As mudanças vão desde o desenho, estrutura e motorização às tecnologias inspiradas na F-150. Por aqui ela terá o desafio de superar a Toyota Hilux e se destacar diante de concorrentes como Chevrolet S10, se distanciar mais da Frontier, Amarok e L200 e convencer o cliente que gosta de novidades e viu o lançamento da RAM Rampage. “Quero que o cliente da Hilux entre na nova Ranger Limited”, diz Antonio Baltar Jr, diretor de Marketing da Ford.

Modelo mede 5.372 mm de comprimento e 3.270mm de entre eixos – Foto: Ford/Divulgação

Para isso, a nova geração da Ranger chega com estilo renovado: mais alta e com linhas retas, é inspirada na F-150. Mede 5.372 mm de comprimento, 2.208 mm de largura, 1.886 mm de altura e uma bitola 50 mm mais larga (1.620 mm), com 3.270mm de entre eixos – 50 mm maior. Nas medidas complementares o ângulo de entrada é de 30º, ângulo de saída de 26º, altura livre do solo de 235 mm e capacidade de imersão de 800 mm.

Pick-up tem multimídia de 12 polegadas na vertical – Foto: Ford/Divulgação

Entre as novidades estão o interior da pick-up mais amplo e com tecnologias inéditas para o segmento médio. O painel digital em LCD tem 8” ou 12,4”, a multimídia de 10” ou 12” traz conexão sem fio para Android Auto e Apple CarPlay e carregador por indução. O sistema é o Ford SYNC 4 que estreou na F-150 sendo o primeiro com tecnologia OTA (“Over the Air”) com atualizações remotas feitas por 36 módulos.

Ranger tem motor 3.2 de 250cv e 60kgfm de torque – Foto: Ford/Divulgação

Motor V6 turbodiesel
Outra novidade muito aguardada é o motor. Nas versões mais caras o motor 3.2 é substituído pelo 3.0 V6 com 250cv e 60kgfm de torque, o maior do segmento. O motor trabalha com a nova transmissão automática de 10 velocidades, usada no Mustang e na F-150. Nas versões de entrada, a Ranger traz também um novo motor 2.0 Diesel com 170 cv e 40kgfm de torque disponível nas versões XL e XLS, combinado com câmbio automático ou manual de seis marchas.

Painel digital de LCD pode ser de 8 ou 12,4 polegadas – Foto: Ford/Divulgação

Junto com o motor há uma recalibração da suspensão, nova direção elétrica ativa, freios a disco nas quatro rodas, câmbio eletrônico E-shifter, o farol alto automático, o freio de estacionamento eletrônico e os modos de condução inteligentes. Há modos 4×2, 4×4 e 4×4 reduzida, além do modo 4WD que distribui a tração entre os eixos sob demanda. Durante a apresentação do carro a Ford não esconde que sua estratégia está em brigar pelo segmento mais equipado. E assim a Ranger Limited entra em cena.

Ranger está disponível nas versões Laranja Jalapão, Azul Belize, Preto Gales e Cinza Moscou – Foto: Ford/Divulgação

Ranger Limited
Sem dúvida a grande estreia da nova geração é a Ranger Limited, versão topo de linha da pick-up da Ford. A versão traz o novo motor V6 e itens visuais como o santantônio, molduras dos para-lamas na cor do veículo, rodas de liga leve de 18” com pneus 255/65 AT, bagageiro de teto, lanternas traseiras de LED e protetor de caçamba. Vem ainda com multimídia vertical de 12”, ar-condicionado dual-zone, navegador off-road, dois modos adicionais de condução (Lama/Terra e Areia) e monitoramento de pressão dos pneus.

Há modos 4×2, 4×4 e 4×4 reduzida, além do modo 4WD – Foto: Ford/Divulgação

Ela custa R$ 319,9 mil e conta com um pacote opcional de R$ 20 mil que incorpora painel de 12 polegadas, rodadas de 20 polegadas e itens como piloto automático adaptativo com stop & go, monitoramento de ponto cego com cobertura de reboque, assistente autônomo de frenagem e alerta de tráfego cruzado em marcha a ré, assistente de manobras evasivas, assistente de permanência e centralização em faixa, assistente de cruzamentos e câmeras 360°.

Modelo também terá motor 2.0 Diesel com 170 cv e 40kgfm de torque – Foto: Ford/Divulgação

Abaixo da Limited, a versão XLT que traz o mesmo motor V6 e tração 4WD, faróis em LED, rodas e pneus aro 17, assistente autônomo de frenagem com detecção de pedestres e sete airbags, estribo e retrovisores elétricos, sensor de chuva, banco e volante revestidos em couro, painel digital de 8 polegadas e multimídia de 10”, sensor de chuva, controle de descida e quatro modos de condução (Normal, Eco, Escorregadio, Rebocar/Transportar), enquanto a Limited oferece seis. O preço é R$ 289.990.

Detalhe do painel da Ranger 2024 – Foto: Ford/Divulgação

Pré venda e entrega
A Ford já produziu 2.000 unidades da nova geração da Ranger e inicia hoje a pré venda das versões XLT e Limited com novo motor V6 3,0 litros. Até o dia 26 de junho, as vendas estarão disponíveis exclusivamente para clientes da Ford. A partir dessa data, a reserva pode ser feita no site da marca. O prazo de entrega do veículo é de 30 a 60 dias.

Prazo de entrega do veículo é de 30 a 60 dias – Foto: Ford/Divulgação

A nova Ford Ranger está disponível nas versões Laranja Jalapão, Azul Belize, Preto Gales e Cinza Moscou; a metálica Prata Geada: e as sólidas Branco Ártico e Vermelho Bari. As versões XL e XLT terão cores e outros detalhes divulgados em breve. Ha 30 acessórios disponíveis, incluindo vários tipos de capotas, protetores e organizadores de carga, estribos, snorkel e engate de reboque, entre outros.

Procura uma Ford Ranger? Veja no AutoShow mais de 40.000 classificados de veículos e participe dos feirões presenciais realizados todo domingo das 7h às 13h no Expo Center Norte e Shopping ABC