AutoShow

Ford Ranger Raptor: teste da nova pickup além de ficha técnica, motor e detalhes (18 fotos)

Picape chega em versão única por R$ 448 mil sendo a mais rápida deste segmento no Brasil. Por Marcos Camargo Jr

Fotos desse artigo por Marcos Camargo – AutoShow

A Ford Ranger de nova geração chegou no segundo semestre. Inicialmente, a Ford começou a distribuição das versões mais caras, depois ampliou para a XLT e modelos voltados ao trabalho. Agora a Ford divulga a chegada da linha Raptor 2024 com todo seu apelo off road e detalhes exclusivos. Veja:

O ano de 2023 foi muito positivo para a Ford que tem na Ranger seu produto de maior volume hoje. A picape média é a vice líder de vendas atrás apenas da Hilux e agora é hora de diversificar com estreia da Ranger Raptor. Ela dará um reforço na imagem positiva da nova geracao com um conjunto ainda mais potente e suspensão de carro esportivo vendida em versão única importada da Tailândia por R$ 448,6 mil.

Testamos a novidade dentro do Campo de Provas da Ford em Tatuí, no interior paulista. A engenharia da Ford permitiu a condução da picape em dois circuitos: alta velocidade e off road.

Foto Ford Divulgação

Na pista mais rápida foi possível acelerar a Raptor a até 150/h na reta do circuito provando o ganho de aceleração acompanhado pelo escapamento ruidoso e instigante (o ruído pode ser ajustado por botão no painel). Mesmo com pneus mais largos e maior bitola, a Ranger Raptor é bem estável no asfalto e pode render diversão em linha reta com seus 397cv combinados com câmbio de dez marchas de trocas suaves. Aliás esse é o único ponto em comum com a mecânica da nova Ranger: o câmbio.

Mas é no circuito off road que a Ford Ranger Raptor se destaca. Os reforços de estrutura deixam a picape estável e apta para vencer qualquer desafio. Ela conta com modos exclusivos de condução como o “baja” feito para avançar em circuitos de areia ou duna, e também “rock/crawl” para terrenos com pedras de forma segura.

Tanto o diferencial traseiro quanto dianteiro são do tipo autoblocante, outro item exclusivo da Ranger Raptor e a capacidade de imersão é de 85cm com 32° de ângulo de entrada e 27° de saída.

Foto Henrique Pereira

Depois de andar na terra e na lama, a Ford colocou os jornalistas para andarem com pilotos profissionais em um circuito de terra onde fica claro o controle ativo sobre as acelerações mais fortes. Depois de uma volta com emoção no circuito a Ranger saltou sobre uma rampa mostrando a preparação da suspensão com longo curso e bitolas amplas bem como as molas helicoidais que contribuem para essa sensação de esportividade.

foto Marcos Camargo Jr – AutoShow

Visual externo e interno

Seu desenho apela para o perfil esportivo e off road onde a grade se diferencia pela grafia, o gancho é item de série, há molduras de pára-lamas e rodas aro 17 com pneus 285/70 Continental Grabber de uso off road.

O interior também é diferenciado ao estilo “Raptor” com revestimento preto e laranja enquanto os bancos são exclusivos com ajuste elétrico e apoio lateral. Todo o revestimento dos bancos é feito em couro e suede e o revestimento interno do teto e coluna são pretos. No painel há uma faixa laranja bem como na forração das portas diferenciando a Raptor das demais versões da Ranger.

Dimensões e ficha técnica Ranger Raptor

Na ficha técnica, a Ranger Raptor quase não muda: são 5,36m de comprimento (1cm a mais que a Ranger por conta dos pára-choques), entre eixos iguais de 3,27m, largura de 2,20m (maior que os 2,01m da versão comum por conta do conjunto de pneus, 1,92m de altura e bitolas de 1,71m, maiores que os 1,62m das demais versões.

Para a Raptor a Ford fez reforços no chassi e suporte de estepe além de chapas de proteção em aço para a parte inferior. O curso da suspensão é 32% mais rígido na dianteira que usa braços duplos e ligas de alumínio e 18% na traseira que usa molas helicoidas.

A capacidade de carga é mantida na Raptor porém há novos acessórios como os protetores Flexbed, tomada de 120v, pontos de ancoragem de carga e tampa de acesso nas laterais. A suspensão usa amortecedores Fox Live Shocks de 2,5”.

Novo motor 3.0 V6

Na Ranger Raptor o motor é o 3.0 V6 bi-turbo GDI com 397cv e 58,3kgfm de torque a 3.500rpm. Diferente das outras versões o motor tem controle eletrônicos das válvulas de alívio da turbina. O câmbio é o mesmo de 10 marchas porém com relações reprogramadas na linha Raptor. A Ford fala em 0-100km/h em 5,8s o que faz da Raptor a pick-up mais rápida à venda no Brasil. A Ford anuncia consumo entre 8,3 e 10,2km/l.

Itens de série

Entre os itens de segurança e comodidade a Ranger Raptor tem faróis Led Matrix, som Bang&Olufsen com 8 falantes, luzes externas 360°, navegador off road com controle de inclinação e sensores, painel digital de 12,4”, multimídia com tela de 12” e sistema Ford Sync 4 com conexão sem fio para celulares, assistente de pré colisão, controle de Cruzeiro adaptativo com Stop&Go, assistente de frenagem e de cruzamentos, reconhecimento de placas de trânsito e total de 7 airbags.