AutoShow

Fiat Mobi 2025 mantém velho motor Fire: veja preços, itens de série e versões

Subcompacto estreia na linha 2025 sem mudança. Por Marcos Camargo Jr

Fiat Mobi 2025 (Fiat Divulgação)

A Fiat divulgou a linha 2025 do compacto Mobi, modelo de entrada da marca. Não houve mudança visual, de versões e nem de equipamentos em relação a linha 2024. O compacto vem equipado com motor quatro cilindros 1.0 Fire Evo, que entrega até 74 cv e não com o esperado motor 1.0 Firefly 3 cilindros usado no Argo e que o próprio Mobi usou em algumas versões até 2020. Abaixo estão os preços e versões do Fiat Mobi 2025:

Interior do Fiat Mobi (Fiat Divulgação)

O Fiat Mobi 2025 segue vendido na versão de entrada Like 1.0 por R$ 72.990 e conta com itens de série como controle de tração, controle eletrônico de estabilidade, assistente de partida em rampa, luz diurnas de segurança, regulagem de altura manual do facho do farol, repetidor lateral nos retrovisores, ar-condicionado, banco traseiro rebatível, barra de proteção nas portas, bolsa porta-objetos e porta garrafa nas portas dianteiras, brake-light, computador de bordo, direção hidráulica, rodas de 14 polegadas com calotas, entre outros equipamentos.

Mobi Trekking 2025 (Fiat Divulgação)

Já a configuração Fiat Mobi Trekking 1.0 2025 custa R$ 75.990 e traz além dos equipamentos da versão de entrada calotas exclusivas escurecidas, banco do motorista com regulagem de altura, barras longitudinais no teto e moldura nas caixas de roda, multimídia de 7 polegadas com conexão com Android Auto e Apple CarPlay sem fio, volante multifuncional, conexão Bluetooth, entrada USB, sistema de reconhecimento de voz, controle eletrônico de aceleração, sistema de sinalização de frenagem de emergência, chave canivete, entre outros equipamentos.

Motor Fire: longa história 

Esquema técnico do motor Fire para Lancia e Autobianchi (Fiat Divulgação)

A Fiat equipa o Mobi 2025 com o conhecido motor 1.0 Fire Evo, que entrega 71 cv e 9,3 kgfm de torque com gasolina e 74 cv e 9,7 kgfm de torque abastecido com etanol. Isso deve mudar com a entrada em vigor do Proconve L8 onde a Fiat não deve mais investir para adequar o velho motor Fire no Mobi. 

Linha Palio 2000 (Fiat Divulgação)

Essa motorização estreou há mais de 20 anos na linha Palio e na Itália é um motor que foi lançado em 1985. Foi o propulsor mais moderno do seu tempo e equipou primeiro o Autobianchi Y10 e também o Lancja Y10, compacto de base Fiat com a mesma plataforma do Uno. 

Autobianchi Y10 com motor Fire depois lançado no Uno italiano (Fiat Divulgação)

Depois também foi lançado no Uno e em todos os carros da linha Fiat. Fire é a sigla de “Fully Integrated Robotised Engine”, ou motor integrado totalmente robotizado, uma referência à linha de montagem moderna construída à época. 

Fiat Uno italiano em 1986 já com motor Fire e injeção eletrônica (Fiat Divulgação)

Era um motor de 800cc e 34cv e havia também o 1.0 de 45cv, que serviu de base para o motor que estreou aqui na linha Palio no ano 2000, apenas 15 anos depois. Quanto o PL8 entrar em vigor o Mobi deverá voltar a usar o motor Firefly como item de série.