AutoShow

Fiat 500 híbrido também será lançado na carroceria atual após pressões

Compacto deve ter motor 1.2 turbo e conjunto elétrico

Em meio às pressões sindicais na Itália pela volta de carros de maior volume dentro da Stellantis, o CEO da companhia Carlos Tavares afirmou que a empresa irá lançar novos produtos e terá uma inédita versão do consagrado 500.


Em Mirafiori a produção do 500e elétrico derrubou o volume de veículos produzidos o que já levou a duas ondas de férias coletivas por conta de ajustes na produção.
Agora a Fiat torna oficial que irá manter o 500 híbrido em linha com várias novidades na mesma unidade italiana onde são feitos Maserati Ghibli, Quattroporte, GranTurismo e outos modelos Fiat.

Inicialmente o 500 híbrido ficaria em linha por um tempo pois é feito sobre a antiga base do compacto enquanto na nova apenas o elétrico é produzido. Com o anúncio teremos os dois modelos feitos sobre a plataforma atual. É provável que o motor seja o 1.2 turbo três cilindros associado a um propulsor elétrico no Fiat 500 híbrido que deve ser lançado até o final do ano.
Por aqui a Fiat vende apenas o 500e elétrico há pouco mais de dois anos também com volumes baixos de venda em razão do preço. O 500 a combustão foi vendido com sucesso no mercado nacional em várias versões inicialmente importado da Polônia e depois do México.