Imagem Jumbotron

Estudo mostra que carro zero km ficou até 25% mais caro em dois anos

Alguns veículos tiveram alta de 50% ao comparar com o início de 2020. Por Felipe Salomão

Fiat Strada era vendida com um valor médio de R$ 69.958, antes da pandemia

O brasileiro já percebeu o quanto os carros novos ficaram mais caros. Uma pesquisa feita pela Fraga Inteligência Automotiva mostrou que os carros novos mais emplacados no Brasil nos últimos dois anos tiveram aumento médio de 25% nos preços. Ainda segundo o levantamento, alguns modelos chegaram a ter alta de 50% ao comparar com o início de 2020.

Fiat Argo teve uma valorização de 24% nos últimos dois anos

De acordo com o levantamento, a Fiat Strada, que é um dos carros mais vendidos no país, era vendido com um valor médio de R$ 69.958, antes da pandemia. Atualmente, o preço médio é de R$ 84.151, o que representa alta de 20% embora o veículo tenha trocado de geração neste tempo. Já o Fiat Argo, que também está no top 10 mais emplacados, teve uma valorização de 24% nos últimos dois anos apenas com mudanças pontuais ao longo do período.

Hyundai HB20 teve aumento de 52% na comparação de 2020 a 2021

O Hyundai HB20 que tinha preço médio de R$ 46.457 no fim de 2019, já custa R$ 71 mil na versão de entrada, o que representa alta de 52% na comparação de 2020 a 2021. Já a versão sedã HB20S teve alta de 36% e o HB20X de 16%. O subcompacto Fiat o Mobi, que tinha um valor médio de R$ 40.842 antes da pandemia também ficou 14% mais caro. O Jeep Renegade, que é um SUV compacto mais licenciado no mercado, teve aumento de 43% ante fevereiro de 2020. Já o Jeep Compass teve alta de 14%.

Chevrolet Onix valorizou 19%

O Chevrolet Onix, que voltou a ser o carro mais vendido do Brasil na primeira quinzena de novembro, valorizou 19% e o Onix Plus teve alta de 23%.

Onix Plus teve alta de 23%

O veterano Volkswagen Gol, que enfrenta problemas na produção justamente por falta de peças, teve alta de 38% em apenas dois anos. O recém-lançado Hyundai Creta apresentou alta de 14%, já que o preço médio era de R$ 91.682 em 2020 e agora é de R$ 93.713.

Hyundai Creta teve alta de 14%

“Temos, atualmente, uma base de mais de 2.600 empresas do segmento que se beneficiam das informações técnicas e de inteligência de mercado fornecidas por nós. Vale destacar que a Frota Circulante vem sendo atualizada há mais de 30 anos. Com isso, conseguimos ter uma visão ampliada sobre o mercado veicular, incluindo caminhões, ônibus, motocicletas e automóveis”, afirma o Diretor de Inteligência de Mercado da empresa, Danilo Fraga.

Renegade teve aumento de 43% ante fevereiro de 2020

O estudo da Fraga Inteligência mostra o quanto os modelos encareceram no período em que a inflação mesmo em alta no país somou 13% em dois anos. Assim, determinados modelos ficaram até três vezes mais caros durante a pandemia fruto do encarecimento de insumos como o aço, plástico, borracha e falta de chips de semicondutores.

Procura um carro novo? Veja no AutoShow mais de 40.000 classificados de veículos e participe dos feirões presenciais realizados todo domingo das 7h às 13h no Expo Center Norte e Shopping ABC

Compartilhar:

Mais lidos

Imagem Media

Como transferir documento de veículos durante a pandemia?

Imagem Media

Carro novo ou usado? Qual escolher?

Imagem Media

Prós e contras: Caoa-Chery Tiggo 5X

Compartilhar:

Carros que você talvez gostaria:

Imagem Jumbotron

Garanta já sua participação no maior feirão de Compra e Venda de carros no Brasil – AutoShow –

O Feirão AutoShow possui mais de 10 mil ofertas e milhares de compradores em busca de fechar um bom negócio. Compre ou venda já seu carro no Feirão.