Imagem Jumbotron

Sete novidades sobre o novo Golf 2020

Com vinda incerta ao Brasil, Golf estreia na Alemanha e vendas começam em dezembro. Por Marcos Camargo Jr

Se por um lado o Golf anda meio sumido no Brasil onde temos apenas a versão GTI e dentro de alguns dias estreia a híbrida plug-in GTE, na Europa um dos carros mais vendidos da história da marca ganha sua oitava geração. Fica com a mesma plataforma, muda um pouco no design mas será uma revolução em termos de motorização. O Auto Show desvendou o mistério e mostra a seguir 10 novidades sobre o novo Golf.

A plaforma é a mesma mas ele ficou um pouco maior. O novo Golf mede 4,28m de comprimento (3cm a mais que a versão atual), 1,78m de largura, 1,45m de altura e tem entre-eixos de 2,63m. A plataforma MQB (a mesma do Polo, Virtus, T-Cross e Tiguan) fica mantida mas foram feitas melhorias em virtude da nova motorização.

A dianteira ficará bem diferente. O estilo dianteiro tem um conjunto que unifica os farois à grade, cromada nas versões a combustão e com LED nas híbridas. Nota-se o novo para-choque com barras horizontais, estilo usado em vários carros conceito mostrado em eventos anteriores enquanto a traseira tem quase o mesmo estilo atual.

Duas telas no painel. O Golf estreia ainda o Innovision Cockpit que destaca o cluster de 10,25”, enquanto a central multimídia tem 8,25” e concentra boa parte dos comandos do veículo. Há ainda um headup display que provavelmente virá nas versões mais cara.

Poderá ter inclusive farois em matriz de LED. Esta novidade estará presente nos modelos mais caros mas os farois em LED serão itens de série em toda a nova linha do Golf 2020.

Internet 4G a bordo. Haverá além da internet com sistema próprio, uma solução de interação do veículo com o motorista por meio de um aplicativo e ainda a comunicação do Golf com os sistemas de trânsito em tempo real, algo possível hoje apenas na Europa.

Cinco versões a combustão. O novo Golf terá cinco opções de motores a gasolina, diesel ou gás natural. O mais em conta será o 1.0 TSI de 90cv ou 110cv com novo turbo, 1.5 TSI de 120 ou 150cv (evolução do 1.4 oferecido aqui) com desativação de cilindros, 2.0 TSI para os esportivos, 2.0 TDI a diesel de 115cv ou 150cv ou 1.5 TGI a gás natural. Em termos de transmissão haverá a opção manual de seis velocidades e automatizada DSG de sete posições.

Dois modelos elétricos: entram no portfólio o Golf eHybrid com motor 1.4 TSI e um propulsor elétrico que combinados alcançam 204cv e o Golf GTE com mesmo motor e unidade elétrica de maior capacidade com 245 cv. Vale lembrar que o modelo novo sai na frente da versão que chega aqui no mês que vem.

Agora a notícia mais triste é que provavelmente não teremos o Golf 8 no mercado brasileiro. Em novembro chega a inédita versão GTE, híbrida, mas baseada na sétima geração.

Se você gosta do Golf em suas inúmeras versões, veja os anúncios de modelos usados aqui no Auto Show. Visite também os feirões presenciais realizados todo domingo no Shopping ABC e no estacionamento do Anhembi. A entrada de visitantes é sempre gratuita.

Compartilhar:

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Mais lidos

Imagem Media

Carro novo ou usado? Qual escolher?

Imagem Media

Conheça os 10 carros mais vendidos em setembro/2019

Imagem Media

Feirão terá encontro gratuito da linha Gol: confira!

Compartilhar:

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Carros que você talvez gostaria:

Imagem Jumbotron

Garanta já seu ingresso para o maior feirão de Compra e Venda de carros no Brasil

O Feirão AutoShow possui mais de 10 mil ofertas e milhares de compradores em busca de fechar um bom negócio. Compre ou venda já seu carro no Feirão.