Imagem Jumbotron

Conheça os sedãs antigos que seguem no mercado

Em tempos concorrência dura modelos mais antigos custam menos mas querem ser opção com custo-benefício. por Marcos Camargo Jr

Não é só a Chevrolet que mantém na linha o Joy Plus (antigo Prisma que seguirá como modelo de combate) para somar vendas e conquistar novos e manter antigos compradores. Na batalha dos sedãs, modelos mais velhos convivem com gerações atuais, tudo para atrair o consumidor.

Claro que isso não é unanimidade. A Hyundai ao mudar o HB20 descontinuou o modelo antigo assim como a Renault ao mudar o Logan. A Ford se mantém na batalha apenas com o Ka uma vez que o Focus saiu de linha assim como o Fiesta. Mas via de regra, as marcas vem mantendo modelos ultrapassados no portfólio. O Auto Show lista aqui quais são essas opções para você decidir se valem a pena.

A Volkswagen ainda aposta no Voyage (R$ 55,1 mil na versão 1.0) embora tenha um modelo mais caro (e melhor), o Virtus, derivado do Polo com a plataforma MQB, com preço a partir de R$ 65,4 mil (1.6 MSI). Neste caso a distância é grande em preço e produto, mas o Voyage tem seu público tal qual o Gol que se mantém entre os mais vendidos do país.

A Fiat briga nos sedãs apenas com o Cronos (R$ 54,9 mil na versão 1.3) mantendo o Grand Siena na linha 2020 como carro de combate por R$ 50,4 mil na versão 1.0 Attractive. Neste caso, a diferença é pequena, de menos de R$ 5 mil, sendo que o sedã baseado na plataforma do Argo tem motor 1.3.

Até a Toyota tem usado esse artifício dos modelos antigos com o Etios, que na versão 1.3 manual custa R$ 55,1 mil. O Yaris fica no andar de cima, a partir de R$ 66,1 mil usando inclusive o mesmo conjunto mecânico do Etios que segue na linha 2020 sem alterações. A base dos dois sedãs, inclusive, é a mesma.

O Nissan Versa é o próximo a seguir neste caminho. Esta semana a marca começou a vender no México e nos Estados Unidos a nova geração do sedã, que chega por aqui ano que vem. No entanto, a Nissan, seguirá oferecendo no Brasil o atual Versa, mas com outro nome.

Vale a pena? Para quem não faz questão de design atualizado, em geral os novos e os antigos tem lista equivalente de itens de série, mas se a diferença for pequena e plataforma do carro mais caro for nova, assim como o motor, é bom reconsiderar porque carro de linha tem sempre desvalorização acentuada.

Procura um sedã compacto? O Auto Show tem milhares de opções dos mais variados preços e no feirão de domingo você pode conferir e negociar estes carros com toda estrutura e serviços como financiamento, vistoria, despachante e comodidade de amplo estacionamento e mais de 4.500 no Anhembi e 1.500 no Shopping ABC.

Compartilhar:

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn

Mais lidos

Imagem Media

Carro novo ou usado? Qual escolher?

Imagem Media

Feirão terá encontro gratuito da linha Gol: confira!

Imagem Media

Veja os preços e versões do novo Onix 2020

Compartilhar:

RSS
Facebook
Twitter
LinkedIn
Imagem Jumbotron

Garanta já seu ingresso para o maior feirão de Compra e Venda de carros no Brasil

O Feirão AutoShow possui mais de 10 mil ofertas e milhares de compradores em busca de fechar um bom negócio. Compre ou venda já seu carro no Feirão.