AutoShow

Conheça 10 carros que serão lançados no segundo semestre de 2023

Após revelar quais pick-ups serão vendidas no Brasil até o dezembro, o AutoShow traz uma lista com os carros que serão lançados no segundo semestre de 2023

C3 Aircross, Honda ZR-V, GR Corolla, entre outros serão vendidos até o final deste ano. Por Felipe Salomão

Citroën C3 Aircross pode ter motor 1.0 litro T200 turbo de 130 cv do Fiat Pulse – Foto: Citroën/Divulgação

Após revelar quais pick-ups serão vendidas no Brasil até o dezembro, o AutoShow traz uma lista com os carros que serão lançados no segundo semestre de 2023. Por aqui devem ser vendidos antes de 2024 o C3 Aircross, Honda ZR-V, GR Corolla, entre outros.

Modelo terá 4,32 metros de comprimento como já foi oficializado pela marca – Foto: Citroën/Divulgação

Citroën C3 Aircross
O Citroën C3 Aircross, que já teve diversas imagens divulgadas, será lançada no segundo semestre para ser o único SUV compacto de sete lugares vendido no Brasil. O modelo terá 4,32 metros de comprimento como já foi oficializado pela marca, e também, pode ter 2,54 metros de entre-eixos, 1,73 metro de largura e 1,58 metro de altura do atual C3. O crossover também utilizará a plataforma modular CMP, que é utilizada pelo hatchback, lançado no ano passado.

Modelo será um SUV compacto que pode levar até sete pessoas – Foto: Citroën/Divulgação

O Citroën C3 Aircross terá ângulo de entrada de 23º e um ângulo de saída com mais de 30º, além de vão-livre do solo de 200 mm. Já as rodas são de 17 polegadas. Sob o capô, o SUV compacto deve ser equipado com o tradicional motor 1.6 aspirado EC5 de 116 cv e, também, pode ter propulsor 1.0 litro T200 turbo de 130 cv do Fiat Pulse.

Accord e:HEV 2023 exposto no Electric Days estava fechado e com vidros escurecidos – Foto: Marcos Camargo Jr.

Honda Accord
A Honda terá neste segundo semestre diversos lançamentos, sendo que um deles será o novo Accord e:HEV 2023 com tecnologia híbrida igual do Civic híbrido, já lançado no Brasil. O sedã de grande porte ganhou um novo visual por fora e por dentro, uma vez que ficou parecido com o Civic híbrido, já que adota painel de instrumentos, volante, painel central e multimídia do tipo flutuante iguais ao do “irmão” menor. Além disso, terá o sistema de segurança Honda Sensing de série.

Sedã será lançado no mercado brasileiro neste semestre – Foto: Marcos Camargo Jr.

O Honda Accord e:HEV 2023 pode ter motor gerador a combustão 2.0 aspirado com melhorias na tração e motores elétricos para render 206 cv com consumo de cerca de 20 km/litro.

Honda ZR-V tem traços mais conservadores com amplos faróis frontais e traseiros – Foto: Honda/Divulgação

Honda ZR-V
Prometido para este ano, o Honda ZR-V, que já é vendido na Europa, Estados Unidos e China, deve chegar ao mercado brasileiro até o final de 2023. O SUV médio já foi revelado para executivos e concessionários da marca, além de já rodar em testes por estradas no Brasil.

Por dentro, mescla visual do novo Civic com elementos do City e do HR-V – Foto: Honda/Divulgação

Visualmente, o Honda ZR-V terá traços mais conservadores por fora e internamente deve seguir o padrão do HR-V e City, pois terá painel de instrumentos digital de 7 polegadas com velocímetro analógico e uma ampla central multimídia de 9 polegadas do tipo flutuante com conexão com Apple CarPlay e Android Auto.

Modelo pode ter propulsor 1.5 litro turbo de até 177 cv – Foto: Honda/Divulgação

A Honda pode equipar o novo ZR-V com motor 2.0 litros aspirado de quatro cilindros em linhas, que rende 160 cv com torque de 24,5 kgfm. A transmissão é automática do tipo CVT. Também deve ter um propulsor 1.5 litro turbo de até 177 cv com 24,5 kgfm de torque.

Honda CR-V 2023 será lançado no Brasil ainda neste ano apenas em uma versão híbrida – Foto: Honda/Divulgação

Honda CR-V
Assim como o Accord e Civic, o novo Honda CR-V deve ser vendido apenas em versão híbrida no Brasil. Esperado para o segundo semestre deste ano, o SUV de grande porte conta com uma ampla grade dianteira com a logomarca da empresa ao centro, além de ter uma grande entrada de ar e faróis afilados. A traseira tem grandes faróis dispostos na vertical no formato de “L” e um pequeno aerofólio. Por dentro, o novo Honda CR-V pode ter multimídia de 7 ou 9 polegadas a depender da versão com conexão com Android Auto e Apple Carplay sem fio. Já o painel de instrumentos deve ter 7 polegadas com velocímetro analógico, como City.

Modelo pode ter motorização híbrida de 207 cv – Foto: Honda/Divulgação

Sob o capô, o Honda CR-V híbrido pode ter motor 2.0 litros com dois elétricos, que juntos entregam 207 cv com torque de 34,1 kgfm. A transmissão é automática do tipo CVT.

Modelo deve ter grade frontal diferente da versão atual da foto – Foto: Volkswagen/Divulgação

Volkswagen T-Cross
Já flagrado rodando pelo Brasil, o novo Volkswagen T-Cross deve ganhar mudanças visuais ainda neste semestre. O SUV compacto deve ganhar um novo para-choque dianteiro, grade frontal e novos apliques cinza no para-choque traseiro. Ainda não há imagens do interior, mas o crossover deve ganhar uma nova multimídia e painel de instrumentos, além de um novo acabamento dos bancos, volante e painel.

Traseira deve ganhar um novo para-choque – Foto: Volkswagen/Divulgação

Contudo, a motorização atual deve ser mantida. Portanto, o Volkswagen T-Cross deve continuar com os motores 1.0 TSi e 1.4 TSi.

SUV elétrico chegará em breve ao Brasil – Foto: Volkswagen/Divulgação

Volkswagen ID.4
A Volkswagen já anunciou que o elétrico ID.4 chegará primeiro pelo serviço de assinatura da marca Sing&Drive, mas não informou quanto será o plano e quando será possível contratar um pacote com o SUV. Claro, a montadora também deve vender o modelo em um outro momento no futuro deste ano.

ID.4 tem bateria de 77 kW e promete, o que confere uma autonomia de 522 km – Foto: Felipe Salomão

O Volkswagen ID.4, que será o primeiro veículo elétrico da marca no país, tem design arredondado com faróis afilados na dianteira e na traseira. As rodas são de 21 polegadas com desenho fechado para conferir uma melhora aerodinâmica. O interior conta com painel de instrumentos digital e uma multimídia de 10 polegadas com conexão com Android Auto e Apple CarPlay.

Modelo terá uma ampla central multimídia – Foto: Felipe Salomão

O SUV elétrico tem motor traseiro de imãs permanentes na posição transversal, que entrega 204cv com 31 kgfm de torque. ID.4 tem bateria de 77 kW e promete, o que confere uma autonomia de 522 km.

Nova tonalidade de azul é exclusiva da versão Circuit Edition – Foto: Toyota/Divulgação

GR Corolla
Já flagrado sem camuflagem no Brasil, o Toyota GR Corolla será lançado ainda no mês de julho e pode ter versão exclusiva limitada a 99 unidades. O hatchback esportivo é diferente dos “irmãos” Corolla Cross e Corolla, uma vez que tem desenho apimentado com faróis angulares, ampla grade frontal, além de ser um hatchback. Já por dentro, traz bancos esportivos, painel de instrumentos digital e uma ampla central multimídia.

Por aqui, pode ter uma versão limitada em 99 unidades – Foto: Toyota/Divulgação

A Toyota deve equipar o GR Corolla com motor 1.6 litro turbo, que rende até 304 cv. A transmissão é manual de seis posições, e a tração é integral, que pode ter blocante nos diferenciais dianteiro e traseiro.

Mustang Mach E chega este ano como primeiro elétrico da Ford no país – Foto: Marcos Camargo Jr.

Ford Mustang Mach-E
O Ford Mustang Mach-E já foi flagrado, apresentado e, também, já tem site no país. Diferente das versões a combustão, o modelo elétrico é um SUV com visual esportivo, que pode ser lançado até o final deste ano. O crossover elétrico pode ter diversas opções de motores no Brasil, mas ainda não teve uma confirmada pela Ford. O Mustang Mach-E deve ter configuração mais esportiva equipada com dois motores elétricos, que rendem 487 cv com torque de 87 kgfm. Segundo a fabricante, é possível fazer de zero a 100 km/h em apenas 3,6 segundos. As baterias têm 91 kWh, o que confere uma autonomia de até 434 km.

Mustang Mach-E deve ter motor de 487 cv – Foto: Marcos Camargo Jr.

O Ford Mustang Mach-E também pode ter opções com motores de 269 cv com torque de 43,8 kgfm ou de 346 cv com torque de 59,1 kgfm. As baterias podem ter 75,5 kWh ou 98 kWh, o que confere uma autonomia de até 610 km.

Modelo ganhou novos faróis diurnos em LED – Foto: Ford/Divulgação

Ford Territory
Renovado na Argentina, o Ford Territory deve chegar ao Brasil ainda neste semestre. O SUV médio, que já foi flagrado rodando camuflado pelo país, deve chegar com um visual menos asiático da atual geração e deve ser vendido nas versões SEL e Titanium, como no mercado argentino. O novo crossover ganhou faróis diurnos em LED, uma ampla grade frontal, rodas de 19 polegadas, novo arranjo luminoso das lanternas traseiras. Por dentro, conta com duas telas de 12 polegadas, que servem de painel de instrumentos e central multimídia com conexão com Android Auto e Apple CarPlay.

Ford Territory 2024 será vendido na Argentina nas versões SEL e Titanium – Foto: Ford/Divulgação

O Ford Territory deve ter motor 1.8 litro turbo, que entrega 190 cv com torque de 32,6 kgfm. A transmissão é de 7 velocidades.

Crossover vem equipado com duas telas de 12 polegadas – Foto: Ford/Divulgação

Renault Megane E-Tech
O Renault Megane E-Tech elétrico será lançado em setembro deste ano, após a marca apresentá-lo por diversas oportunidades em 2022 e no semestre passado no Brasil. O crossover elétrico tem um visual arrojado e mede 4,21 metros de comprimento, 2,70 m de entre-eixos, 1,78 m de largura e 1,50 m de altura. O interior conta com painel digital de 12,3 polegadas e uma central multimídia de 12 polegadas com conexão com Android Auto e Apple CarPlay.

Megane elétrico deve ser lançado ainda neste ano – Foto: Felipe Salomão

O Renault Megane E-Tech deve ter motor elétrico de 220 cv com 30,6 kgfm de torque. O modelo terá bateria de 60 kWh, o que confere uma autonomia de 454 quilômetros.

Procura umcarro novo? Veja no AutoShow mais de 40.000 classificados de veículos e participe dos feirões presenciais realizados todo domingo das 7h às 13h no Expo Center Norte e Shopping ABC