AutoShow

BYD Song Pro: SUV compacto e híbrido já está no Brasil e chega em julho

SUV híbrido tem motor 1.5 aspirado e propulsor elétrico para rodar até 100km sem usar gasolina. Por Redação

Song Pro após o desembarque no Porto de Suape (imagens do artigo: Felipe Salomão)

O segmento dos crossovers compactos ainda não tem nenhum representante com motor híbrido. Já entre os médios há modelos como Corolla Cross, Haval H6 e o próprio Song Plus da BYD. Agora a marca deverá lançar a versão “menor” do Song Plus no Brasil e as primeiras unidades já chegaram.

Durante a chegada do navio da BYD ao Porto de Suape em Pernambuco a BYD nem fez questão de esconder o Song Pro dos jornalistas e fez questão de colocá-lo para fora de modo que todos pudessem conferir a novidade recém lançada na China.

Visualmente, a dianteira do BYD Song Pro é parecida com a do Song Plus, já vendida por aqui. Ja a traseira traz uma ampla lanterna em peça unica. Por dentro, o crossover tem acabemento mais sóbrio com tons mesclando o claro com o escuro, além de contar com um painel de instrumentos digital e multimídia giratória.

Olhando a ficha técnica o BYD Song Pro tem 4,74 metros de comprimento, 2,71 m de entre-eixos, 1,71 m de altura e 1,86 m de largura. Ele é um pouco maior que um Corolla Cross ou um Tiggo 8, mas menor que um Haval H6.

Sob o capô, o BYD Song Pro será equipado com motor 1.5 litro aspirado de até 110 cv e outro elétrico, totalizando 235 cv e 40,8 kgfm de torque. Todavia a marca não informou a potência do SUV. São apenas dados preliminares pois até agora a BYD não confirmou sua ficha técnica.

O BYD Song Pro deve ter uma bateria de 18,3 kWh, que deve conferir uma autonomia de até 100 km no modo elétrico. A marca não informou dados de bateria. Seu preço esperado é de cerca de R$ 150 mil, o que também posicionaria o Song Pro como um dos modelos mais interessantes do segmento de compactos.

Procurando um carro usado com qualidade e o melhor preço? Visite os feirões AutoShow e faça o melhor negócio do Brasil. Todos os feirões tem acesso livre para os visitantes, estacionamento acessível e mais de 1.500 veículos à venda todos os domingos.