AutoShow

Astra segue vivo na Europa e acaba de estrear nova opção híbrida

hatch médio ganha novos motores híbridos. Por Marcos Camargo Jr

Astra GSe híbrido (Opel Divulgação)

O Chevrolet Astra esteve presente no Brasil entre 1994 e 2011 sendo produzido por aqui a partir de 1998. Na Europa ele segue na sexta geração com a Opel, hoje parte do grupo Stellantis. Agora, a Opel acaba de lançar as variantes híbridas do Astra nas versões hatch e também perua. 

Opel Astra 2025 (Opel Divulgação)

Segundo a Stellantis será o último Opel com opção a combustão e agora irá conviver com inéditas versões híbridas. Desde 2022 o Astra também é vendido na variante elétrica. 

Versão perua segue disponível (Opel Divulgação)

Mas qual motor ele usa? 

As duas versões usam o motor 1.2 turbo combinado com sistema elétrico de 48V que ajuda a reduzir o consumo em 14% além de melhorar as emissões. 

Esse motor tem 134cv e 23kgfm de torque e o propulsor elétrico pequeno fica conectado ao câmbio automático de seis marchas. O motor elétrico gera 28cv e 5kgfm de torque adicionais para alimentar uma bateria de 48V montada sob o banco dianteiro. 

O Astra vem equipado de série com 6 airbags frontais, laterais e de cortina, controle de cruzeiro adaptativo, assistente de manutenção de faixa e frenagem automática de emergência. além do painel digital conta com sistema de infoentretenimento com tela sensível ao toque de 10 polegadas e som premium. O Chevrolet Astra usa atualmente a plataforma EMP2, compartilhada com a linha Peugeot 308. 

Com esse motor o Astra acelera de 0-100km/h em 9s e promete alcançar 210km/h. Mas o preço é salgado mesmo para os padrões europeus. Ele custa a partir de 36,4 mil euros (R$ 190 mil) enquanto a versão anterior a gasolina disponível até o ano passado custava 32,6 mil euros (R$ 178 mil).

 
Procurando um dos clássicos nacionais? No AutoShow você encontra mais de 1.500 veículos em dois eventos e um ambiente seguro para trocar de carro.

fechar